Software de mapeamento usado pela organização CENTRO

CENTRO_Blog_Banner_PT

Introdução

Depois de em 1985 o Acto do Transporte ter desregularizado e privatizado os serviços de ônibus no Reino Unido, o West Midlands Passenger Transport Executive (WMPTE) assumiu o papel de coordenar os serviços de todos os prestadores de serviços locais privados de ônibus. Adoptou desde muito cedo o nome de CENTRO, para se distinguir das funções de prestador de serviços que desempenhava anteriormente.

A Centro promove e desenvolve o transporte de ônibus no Midlands Ocidentais. É financiado pelo Council Tax – uma taxa britânica que é paga pelos residentes – mas também por receitas do estado, bem como através de subsídios da Comunidade Europeia e sector privado.

Os chefes dos sete Conselhos de Distrito que pertencem ao Condado do Midlands Ocidentais – Birmingham, Coventry, Dudley, Sandwell, Solihull, Walsall e Wolverhampton, guiam o trabalho e políticas da Centro.

Gurjit Dulai, Pesquisador Sénior e Analista de Informação, diz que como a pesquisa e a informação são vitais para a organização há uma equipa dedicada à mesma, que fornece suporte analítico para qualquer pessoa na organização. “Este apoio pode ser, por exemplo, elaborar um pedido de financiamento, explicando como o governo vai utilizar este fundo, caso seja concedido,” diz Gurjit.

O começo do projecto

Parte do trabalho da unidade envolve a produção de mapas utilizando uma grande variedade de dados, provenientes de diversas fontes. Isto pode incluir dados MOSAIC, dados de Privação múltipla, subsídio de desemprego e dados de congestionamento. A unidade apercebeu-se que estavam a receber os mesmos pedidos de análise por diferentes pessoas, análises essas que consumiam muito tempo. Chegou-se a conclusão que, tendo toda a informação num único sítio, os funcionários do Centro poderiam encontrar por si próprios tudo o que procuravam, num formato acessível e fácil de entender.

De encontro às necessidades

A equipa criou um portal ao qual os funcionários do Centro podem aceder. No inicio têm um mapa da região onde podem aceder aos dados a um nível distrital. Um conjunto de notas breves foi criado para ajudar os utilizadores a tirar o melhor partido do recurso e Gurjit diz que a reacção tem sido muito positiva. “O portal está disponível não faz muito tempo mas as pessoas já comentam como é fácil de utilizar e como tem toda a informação que procuram.”

Planos para o futuro

Gurjit acredita que ainda há muito por fazer para promover a plataforma dentro da organização. Serão também adicionados outros conjuntos de dados. “Os dados podem impulsionar projectos nos quais trabalhamos, de maneira que é muito importante que tentemos recolher a maior quantidade possível dos mesmos,” acrescenta. De seguida, vão trabalhar em estreita parceria com o ‘The Safer Travel Partnership’, que é um grupo de agências que trabalham em conjunto para tornar as vias públicas mais seguras, dissuadindo crime e comportamentos anti-sociais.

Benefícios Chave

  • Os funcionários da organização podem facilmente aceder a um vasto número de dados.
  • Podem manipular os dados à sua maneira, para criar relatórios à medida de suas necessidades.
  • Para tirar o máximo partido deste portal não são necessários conhecimentos técnicos de mapeamento e tratamento de dados.
  • Como a equipa não perde tanto tempo fazendo análises repetitivas, pode dedicar-se a pedidos mais específicos.
  • InstantAtlas ajudou-os a criar um portal com uma apresentação cuidada e simples.
Anúncios